"Enfim você chegou!
Respire fundo. Sorria.
Deixe suas preocupações de lado.
Receba o melhor que esse mundo tem a lhe oferecer,
afinal de contas,
você merece.

Entre e sinta-se em casa!"

Um pouco de Fernando Pessoa!

9.28.2008

"Eu amo tudo o que foi Tudo o que já não é A dor que já não me dói A antiga e errônea fé O ontem que a dor deixou O que deixou alegria Só porque foi, e voou E hoje é já outro dia." Fernando Pessoa

Read more...

A arte de entender... pessoas!

9.27.2008

'CONHECER E TRATAR COM PESSOAS PRECISA HABILIDADE,
NÃO É PARA QUALQUER UM' (Texto de Max Gehringer )
Durante minha vida profissional, eu topei com algumas figuras cujo sucesso surpreende muita gente. Figuras sem um Vistoso currículo acadêmico, sem um grande diferencial técnico, sem muito networking ou marketing pessoal. Figuras como o Raul.
Eu conheço o Raul desde os tempos da faculdade. Na época, nós tínhamos um colega de classe, o Pena, que era um gênio. Na hora de fazer um trabalho em grupo, todos nós queríamos cair no grupo do Pena, porque o Pena fazia tudo sozinho. Ele escolhia o tema, pesquisava os livros, redigia muito bem e ainda desenhava a capa do trabalho - com tinta Nanquim. Já o Raul, nem dava palpite. Ficava ali num canto, dizendo que seu papel no grupo era um só, apoiar o Pena.
Qualquer coisa que o Pena precisasse, o Raul já estava providenciando, antes que o Pena concluísse a frase. Deu no que deu. O Pena se formou em primeiro lugar na nossa turma. E o resto de nós passou meio na carona do Pena - que, além de nos dar uma colher de chá nos trabalhos, ainda permitia que a gente colasse dele nas provas. No dia da formatura, o diretor da escola chamou o Pena de 'paradigma do estudante que enobrece esta instituição de ensino'. E o Raul ali, na terceira fila, só aplaudindo.
Dez anos depois, o Pena era a estrela da área de planejamento de uma multinacional. Brilhante como sempre, ele fazia admiráveis projeções estratégicas de cinco e dez anos. E quem era o chefe do Pena? O Raul. E como é que o Raul tinha conseguido chegar àquela posição? Ninguém na empresa sabia explicar direito.
O Raul vivia repetindo que tinha subordinados melhores do que ele, e ninguém ali parecia discordar de tal afirmação. Além disso, o Raul continuava a fazer o que fazia na escola, ele apoiava. Alguém tinha um problema? Era só falar com o Raul que o Raul dava um jeito.
Meu último contato com o Raul foi há um ano. Ele havia sido transferido para Miami, onde fica a sede da empresa. Quando conversou comigo, o Raul disse que havia ficado surpreso com o convite. Porque, ali na matriz, o mais burrinho já tinha sido astronauta. E eu perguntei ao Raul qual era a função dele. Pergunta inócua, porque eu já sabia a resposta. O Raul apoiava. Direcionava daqui, facilitava dali, essas coisas que, na teoria, ninguém precisaria mandar um brasileiro até Miami para fazer.
Foi quando, num evento em São Paulo , eu conheci o Vice-presidente de recursos humanos da empresa do Raul. E ele me contou que o Raul tinha uma habilidade de valor inestimável:... ele entendia de gente. Entendia tanto que não se preocupava em ficar à sombra dos próprios subordinados para fazer com que eles se sentissem melhor, e fossem mais produtivos. E, para me explicar o Raul, o vice-presidente citou Samuel Butler, que eu não sei ao certo quem foi, mas que tem uma frase ótima:
'Qualquer tolo pode pintar um quadro, mas só um gênio consegue vendê-lo'.
Essa era a habilidade aparentemente simples que o Raul tinha, de facilitar as relações entre as pessoas. Perto do Raul, todo comprador normal se sentia um expert, e todo pintor comum, um gênio. Essa era a principal competência dele.
'Há grandes homens que fazem com que todos se sintam pequenos.
Mas, o verdadeiro Grande Homem é aquele que faz com que todos se sintam Grandes.'
Bjo e bom final de semana!

Read more...

Identifique-se e assine aqui, por favor...

9.20.2008

Hoje à tarde, fui com meus filhos comprar tênis no shopping. Não vou aqui falar dos preços que acho exorbitantes, mas da nova lei que está na praça do DF e, eu, comerciante de carteirinha, não sabia.
Com a clonagem de cartões, que já é assunto de muitos blogs na net, as lojas sentiram-se obrigadas (inclusive as minhas) pelas operadoras de cartões e o mercado, a exigir o documento de identificação do cliente para conferir a assinatura e o portador. No entanto, muitos clientes se sentem ofendidos quando é solicitada a identidade, como se o caixa estivesse desconfiando dele. Já passamos por diversas situações onde os clientes se negaram a apresentar a identidade, sendo que essa atitude é para a segurança do próprio cliente.
Pois bem, paguei no DÉBITO o tênis, mas a caixa me pediu identidade e asssinatura. Oxe! ASSINATURA NUMA COMPRA NO DÉBITO? (pulei...) O que foi? Desde quando é obrigatória a assinatura na comanda do cartão de débito? Pra que existe a senha? (esclareço que não fiquei com raiva da moça, só me assustei porque minhas lojas não estavam pedindo isso e vi que estávamos falhando aí).
Educadamente, a caixa me mostrou o texto da LEI 4.132, DE 02 DE MAIO DE 2008 (publicada no DOU), do Deputado Raad Massouh, que estava afixada no caixa e eu, como a maioria das pessoas, não ví e nem li.
A lei, que deve estar afixada em local visível no estabelecimento, diz (resumidamente):
  • Ficam obrigados os estabelecimentos comerciais do DF, a exigir documento de identidade com foto, bem como a assinatura de seu titular nas faturas , boletos e extratos de pagamento, no ato da utilização do cartão de crédito e de débito em conta.
  • O cartão só pode ser usado por seu titular (isso é óbvio, mas tem tanta gente que manda o filho ou o cônjuge, com seu cartão e senha, comprar nas lojas!!)
  • Passa a ser obrigatória a anotação do número da identidade e a assinatura do cliente, na via do borderô do cartão que fica na loja.
  • A loja que não fizer isso arcará com os possíveis prejuízos do estorno da venda.
  • Caso o cliente se negue a apresentar o documento, a loja pode negar ou cancelar a venda /contrato, ou exigir outra forma de pagamento.

Segue, para quem desejar, o link da lei na íntegra: http://www.deputadoraad.com.br/noticias/5.htm

Claro que eu já imprimi a lei para as minhas três lojas, mandei plastificar e, amanhã, todas abrirão com esse texto afixado no caixa. E gente, para os desavisados como eu, um conselho: vamos ler o que está afixado nas lojas, principalmente nos caixas, e entender que essa é uma iniciativa que visa proteger o cliente e não ofender.

Beijo carinhoso e um bom final de semana.

Cláudia

Read more...

Ausência...

9.19.2008

Oiiiiiii, gente!
Ando numa correria doida, mas dessa vez o assunto sou Eu!
Surpresos?!?
Não fiquem, mas juntei à minha correria diária, todos os exames pré-operatórios para, finalmente, fazer a minha cirurgia da vesícula (a minha está com um pedrão), pois não tenho me sentido muito bem. Junto a ela, estou pensando se faço a cirurgia bariátrica logo, e assim, realizo o sonho de perder peso de forma mais definitiva, mas isso é outro assunto que falarei em outro blog, que está em construção.
Quero aqui dizer hoje que estou bem, nao abandonei meu canto preferido (meu blog!) e continuo visitando os blogs que gosto, e outros novos que estou gostando e estarei acrescentando aos meus preferidos logo que tiver um tempinho maior. Não se esqueçam de mim, ok... estou precisando de força para não desistir e levar todos os tratamentos que estou fazendo até o fim dessa vez e ficar boa, bonita e poderosa! (kkkkkkkkkk). "Sonhe com o que você quiser.
Vá para onde você queira ir.
Seja o que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida
e nela só temos uma chance
de fazer aquilo que queremos.
Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz."
Quero agradecer aqui pelo selo Prêmio Dardos que recebi, de novo, do blog Facetas de mim. Obrigada. Adorei!!!!!!! Um beijo enorme e saudoso!

Read more...

Não confronte!

9.09.2008

"Se alguém lhe bloquear a porta,
não gaste energia com o confronto,
procure as janelas.
Lembre-se da sabedoria da água:
A água nunca discute com seus obstáculos.
Ela os contorna." (A.D)
Boa semana a todos!
Foto do Google

Read more...

Sábias palavras.

9.07.2008

"Já decidi que o dinheiro não vai pagar, não vai pagar, a minha paz!!!"
Ed Motta
Quanto tempo faz que você não dança, não canta, não brinca ou dá pulos de alegria e quase todo seu tempo é tomado por trabalho, trabalho, trabalho?????????
Observo diariamente a busca desenfreada por dinheiro das pessoas (e me incluo nesse grupo) ao meu redor. Vivemos à merce dele. É como se o dinheiro nos dissesse:
" - Parabéns, você agora me tem e tem que se virar para cuidar de mim e me administrar, caso contrário você vai ficar sem mim... "
Mas quem manda somos nós no dinheiro que temos ou é o dinheiro quem manda na gente? Nos vejo vivendo às voltas dele, infelizes sem ele... É claro que sei que o dinheiro é necessário para viver, comer, estudar, vestir e etc e tal, mas não podemos viver sob a perspectiva se só sermos felizes se tivermos dinheiro, muito menos passar por cima dos outros em nome desse mesmo dinheiro. Meu pai, que sempre trabalhou muito e considero muito sábio, me disse hoje:
" - Filha, estou chegando à conclusão que é possível ser feliz com pouco dinheiro... o dinheiro nos escraviza. Temos sim que ter dinheiro para ter o que precisamos para viver, mas não pode ser muito, pois ele gera a ganância e a busca desenfreada por mais e mais dinheiro, e no final ficamos sem o que mais apreciamos e buscamos ter: a paz de espírito e a companhia das pessoas que mais amamos. " Sábias palavras!

Read more...

O que? Como? Não me lembro...

9.03.2008

"A felicidade não depende do que nos falta,
mas do bom uso que fazemos do que temos. "
John Quincy Adams
Gente! Tenho tido sérios lapsos de memória (assunto para rir muito, mas conto outro dia... risos...) e estou desconfiada que o grande vilão dessa história (ou eu é que sou a vilã?) é a quantidade de horas que tenho dormido à noite (média de 4h). Sempre tive hábitos de coruja, reconheço. Durmo lá pelas 2h, 3h, numa boa, pois à noite fico elétrica e ... faço tudo (tudo mesmo, gente!) render melhor à noite. Em compensação, de manhã não sirvo pra nada. Acordo às 6h30m, arrumo as crianças para a escola e volto pra cama, pois meu marido os leva pra aula. Leio por cerca de 40 min., 1 hora e durmo de novo até as 10, 11h da manhã.
Se for calcular, durmo cerca de 7h (4 de noite e 3 de manhã). Pra mim está bom assim, mas minha memória não anda concordando muito comigo não! Aí fico pensando: será que a qualidade do sono realmente substitui a quantidade? Sei não...

Read more...
Blog Widget by LinkWithin

Eu creio.

Creio, com toda a minha alma, que o meu Deus está no comando de cada ato, gesto, acontecimento, sentimento, pessoa ou coisa, que entra ou sai da minha vida. Ele cuida de mim, e dos meus, o tempo todo, e sou infinitamente grata a Ele por isso.

"O bom de não sabermos todas as coisas é existir alguém que sabe. O melhor de tudo isso é que mesmo sem entender, encostando o ouvido no lugar certo, mesmo numa noite muito escura, a gente vai escutar suas respostas." Lya Luft

Meu selo!

ImageChef.com - Custom comment codes for MySpace, Hi5, Friendster and more
http://maisprosadoqueverso.blogspot.com
Loading...